Bonsais
Cuidados dos bonsais
Poda dos bonsais
Poda de manutenção
Poda estrutural dos bonsais
Bonsai Carmona Retusa
Bonsai Ficus Carica
Bonsai Ficus Retusa
Bonsai Olivo

Cuidados das plantas
Fertilização das plantas
Humidade das plantas
Luz das plantas de interior
Período de repouso
Problemas frequentes
Regas das plantas
Replante de plantas
Temperatura das plantas

Plantas de interior
Figueira Benjamim
Kentia
Spathiphyllum
Tronco de Brasil

Plantas medicinais
Medicinais adelgaçantes
Medicinais afrodisíacas
Medicinais anti-depressivas
Medicinais anti-inflamatórias
Medicinais depurativas
Medicinais relaxantes

Reprodução plantas
Plantas com flores
Fecundação
Germinação
Polinização
Plantas sem flores

Tipos de plantas
Plantas não vasculares
Plantas vasculares
Plantas segundo reprodução
Plantas segundo o tamanho

Imagens de plantas
Desenhos de plantas
Fotos de plantas
Fundos de ecrã de plantas

Plantas vasculares


As plantas vasculares ou Cormófitas são plantas que apresenta raiz, talo e folhas. Apresentam um sistema vascular que se encarrega da distribuição da água e dos nutrientes. Este está formado por xilema (encarregado por distribuir a seiva para as folhas) e o floema (encarregado de transportar a seiva para o resto da planta). Dentro deste grupo encontramos:

Pteridófitas

Também conhecidas como criptógamas. Estas são a classe mais antiga de vegetais. São plantas que não produzem flores. São cerca de 13000 espécies. A sua reprodução é mediante esporas. Requerem climas húmidos para a reprodução. Estas, por sua vez, se classificam em: psilotopsida, equisetopsida, marattiopsida, pteridopsida.

Espermatófitas

As espermatófitas são plantas que apresentam um grande grau de organização. Para alem de apresenta raiz, caule e folhas como as anteriores, possui um sistema vascular muito desenvolvido. Nestas plantas o esporófito domina sobre o gametófito, que é muito reduzido.
Dentro das espermatófitas encontramos:

Gimnospermas: São plantas sem frutos que protegem a semente. Existem umas 850 espécies deste tipo de plantas. São plantas lenhosas de porte variado. As suas flores são sempre unissexuais. O abeto e o cipreste são duas típicas plantas gimnospermas.

Plantas vasculares: Espermatófitas Plantas vasculares: Angiospermas

Angiospermas: As plantas angiospermas são actualmente o grupo dominante e mais diversificado da flora, em relação às adaptações e biótipos. Conhece-se mais de 220000 espécies de plantas deste tipo.

Três características principais as diferenciam das gimnospermas: os órgãos reprodutores podem ser bissexuais e apresentam folhas florais cuja única função é proteger a verdadeira flor, os carpelos envolvem os óvulos na sua totalidade transformando-se em sementes e frutos, realizando uma dupla fecundação.

As plantas angiospermas por sua vez se subdividem em Monocotiledóneas e Dicotiledóneas. As monocotiledóneas são plantas angiospermas que apresentam uma só folha embrionária ou cotilédones nas suas sementes. Existem aproximadamente 60000 espécies deste tipo de plantas. Nas dicotiledóneas a semente dispõe de dois cotilédones. Estes estão situados em ambos os lados do embrião. Deste tipo existem aproximadamente umas 160000 espécies.


Contacte-nos Condições de uso